SEXUALIDADE E OBESIDADE

2012/02/01 § Deixe um comentário

A comida é um prazer. Só não pode ser O prazer nem substituir prazeres outros como o sexual via excesso de comida. Alguns autores afirmam que nem todos que comem demais têm problemas sexuais, mas todos que tem problemas sexuais comem demais. Certo ou errado, devemos investigar a sexualidade da pessoa que quer emagrecer. Em nossa cultura falamos em “comer alguém”, referindo-nos ao ato sexual. A obesidade pode ser uma forma de resposta diante do sexo, uma forma de escondê-lo, um escudo para fugir dele. Uma defesa contra a sexualidade e até contra a possibilidade de infidelidade. Uma forma de “enfear-se” e tirar de si o foco da admiração alheia, por senti-la como perigosa ou pelo temor de sua reação diante dela.

 De qualquer forma, na abordagem psicológica visando o tratamento da obesidade/sobrepeso, a sexualidade deverá ser criteriosamente analisada.

FICA A DICA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento SEXUALIDADE E OBESIDADE no Mente e Corpo.

Meta

%d blogueiros gostam disto: